BBB 24: Raquele ‘acorda’ e parte pra treta na madrugada
13/02/2024

Logo após a transmissão do BBB24 pela TV Globo, começou uma verdadeira briga entre Raquele e Marcus Vinícius. A doceira não gostou de ser chamada de "samambaia" pelo comissário de voo.

"Eu continuo pensando que a Raquele está lá. São pessoas que não se posicionam no jogo", disse Marcus.

"Mas por que isso te incomoda mais do que qualquer outra pessoa? Eu não sei qual é o seu jogo e nem o da Leidy. Isso faz com que vocês sejam plantas?", questionou Michel.

A conversa evoluiu para uma gritaria e Raquele afirmou que se sente no mesmo nível que Marcus Vinícius.

"Eu não gostei do final, sobre ser protagonista. Eu acho que você está no mesmo nível que eu. Acho que você não tem o direito de dizer quem é protagonista e quem não é", disse Raquele, sendo apoiada por Michel, que o chamou de prepotente.

"Vocês têm o direito de achar que fui prepotente, assim como eu tenho o direito de achar que vocês se venderam por causa de uma pulseira VIP", declarou Marcus.

Raquele se defendeu dizendo que a liderança era de Fernanda e ela tem o direito de fazer o que quiser. E o paraense provocou: "Se eu quiser falar, eu vou falar. Grita, grita".

Raquele ficou magoada. Raquele, então, gritou: "Já estou de saco cheio. Vocês vivem me sabotando nesse jogo. Você saboneta".

"Sabonetando, Raquele? Eu te respeito como mulher, não vou gritar", rebateu o comissário.

Ao conversar com Isabelle, um pouco mais calma, Raquele contou o que a chateou de verdade nas palavras de Marcus Vinícius.

"Fiquei muito magoada com essa parte de falar que a gente não é protagonista aqui.

Aqui dentro, vejo todo mundo como igual. Não posso chegar para você e dizer que você não é protagonista disso aqui. Não posso chegar para ninguém. Aqui, não vejo ninguém melhor do que ninguém", contou.

Pitel, que estava no local, defendeu Raquele dos argumentos de Marcus.

"Vocês foram diretamente atacados. Vocês foram chamados de vendidos. Não cabe. Ele não sabe o que aconteceu. E é muito interessante que quando ele se juntaram para votar em uma pessoa, é válido, mas se você vota em alguém com as suas próprias justificativas: 'Ai, nossa, está indo de manada'".

"Foi essa parte dos 'vendidos' e 'plantas', de protagonista, não aguentei", disse Raquele, explicando o motivo de ter perdido a cabeça na discussão.

"Você está certa, você protegeu o seu lado, protegeu o seu e mostrou que 'não, eu me posiciono com quem eu quero me posicionar", comentou Pitel.

Depois da tempestade veio a bonança e Marcus Vinícius e Raquele se desculparam. Contudo, o comissário de voo ainda explicou seus argumentos.

"Vi a movimentação das últimas semanas, desde quando Fernanda virou líder e vocês ficaram mais próximos. Quando falei sobre o coadjuvante e o protagonista, foi com base nisso. Pensei assim: 'Cara, vocês estão sendo coadjuvantes, quem está protagonizando é ali. Até entender que o voto de vocês já seria em mim. Na minha cabeça, quando você ouve uma hora antes que todo mundo vai em você, o que você pensa? Eles estão sendo bobos. Eles estão sendo coadjuvantes na história do Big Brother. Eu jamais, eu digo isso desde o primeiro dia, eu jamais falaria da vida de vocês aqui fora", afirmou o brother.

Raquele, então, revelou que se sente muito pressionada a "abrir seu jogo" e não vê essa cobrança com outros participantes.

"Eu não vejo o seu jogo. Assim como acho que todas as pessoas não veem, porque você não tem a obrigação de compartilhar com ninguém. Aí eu fico: 'Caramba, por que só eu?'. Parece que tenho obrigação de reunir todo mundo, colocar na sala e dizer: Meu jogo é esse, esse e esse, e essas aqui são as minhas opções. É assim que me sinto, muito pressionada a mostrar meu jogo, sendo que não tenho obrigação de mostrar", desabafou.

AD
Artigo
Flash news