Ludmilla diz que sua vida é muito trabalhosa: ‘Ser uma das maiores artistas do país não é mole’
14/02/2024

PUBLICIDADE

Ludmilla, aos 28 anos, já está no topo das paradas de sucesso brasileiras, simbolizando um dos melhores momentos de sua trajetória musical. Com uma agenda repleta de shows e compromissos, a cantora brilhou recentemente com uma apresentação milionária no evento The Town, em São Paulo.

Contudo, em entrevista à revista Glamour, Ludmilla desabafou sobre o peso de ser uma das maiores artistas do país. Desejando, por vezes, a leveza da mentalidade de um jovem de 18 anos, a cantora comparou-se a uma grande corporação com múltiplas áreas a serem gerenciadas. Ela destaca que o reconhecimento e o sucesso requerem constante estudo, dedicação e reinvenção.

"Gostaria de poder ter a cabeça de quem tem 18 anos, mas é muito trabalho. Sou uma empresa muito grande.

PUBLICIDADE

Requer muita maturidade, atenção e foco para tudo andar. Ser uma das maiores artistas do país não é mole. Precisa de dedicação, estudo e evolução, principalmente. A cada vez que eu alcanço um foco, crio outro maior", contou.

Refletindo sobre sua carreira, Ludmilla relembrou os obstáculos que teve que superar e as decisões cruciais que tomou, resultando, na maioria das vezes, em escolhas acertadas. Ela expressou sua gratidão pelas oportunidades e experiências, destacando a realização de um sonho: se apresentar em um estádio de futebol lotado no Brasil, considerado um dos momentos mais marcantes de sua vida.

No cenário internacional, a cantora contou que ainda se surpreende com o reconhecimento que vem recebendo. Eventos surreais, como convites para participar da Billboard, cumprimentos de estrelas como Shakira e convites para festas pós-show de Rihanna, são momentos que Ludmilla ainda tenta assimilar.

PUBLICIDADE

E para quem pensa que Ludmilla se restringe apenas à música, a cantora revelou seus desejos de se aventurar na atuação. Com uma forte atração pelo cinema, ela se imagina dando vida a personagens intensas, como uma policial ou uma bandida. "O cinema é algo que eu quero muito fazer. Tenho muita vontade de atuar. Uma personagem dos sonhos seria uma policial muito 'braba' ou uma bandida!", contou.

PUBLICIDADE

AD
Artigo
Flash news